sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

vinhas

Uvas em cacho douradas
Nos lábios de beijos
E a espuma da noite
Derretida nas horas 

Nos olhos jovens desejos
Trocados em ternura de lua
Debaixo dum raro candeeiro
Que era deles por inteiro

E a rua era toda sua. Como sua
Na idade era a inocência.

1 comentário:

  1. uma maneira sublime de escrever amor
    em tempos de pureza
    bom fim de semana.
    beijinho
    :)

    ResponderEliminar