quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

porque sim.

imagem net


Ato o sol aos rios 
nos claros dias
da manhã
e o cristalino olhar
sobre a montanha
que fizeste de mim.
Amo-te...
porque sim.


3 comentários:

  1. ... e fazes tu muito bem!
    de manhã é que se começa o dia!
    tem porém cuidado na escalada.

    belo poema.
    forte abraço, meu caro Luis

    ResponderEliminar
  2. Não há razão para amar; É mesmo, porque sim.
    Tão simples e no entanto, tão belo.
    Que todos os rios possam continuar enfeitados de belas manhãs soalheiras: que a montanha brilha sempre e mais ao sol desse amor.
    Um beijo amigo Luís

    ResponderEliminar
  3. - Uma declaração de amor, assim,
    simples, luminosa há-de alcançar
    o seu objectivo.
    - Porquê?
    - Porque sim!

    Abraço

    ResponderEliminar