domingo, 17 de agosto de 2014

vozes na escuridão

Hoje acordei já tarde
e a vida  não esperou
por mim
na manhã que passou

mesmo assim oiço uma raridade:
(na rua alguém propaga uma ’verdade’)
a vinda de Cristo, novamente

e um folheto distribuído por mão crente.

(ai, se isso acontecesse...eu teria novo interesse.)

Sem comentários:

Enviar um comentário