quarta-feira, 13 de agosto de 2014

sombras

foto luís castanheira
na minha mão repousa um sentimento
candeia acesa em noite treva
e a escuridão já é só um lamento
é ela agora a minha serva
um olhar terno, um sorriso meigo
poisado em lágrima de contentamento.

(amar, é este querer, acreditar mesmo a sofrer)

Sem comentários:

Enviar um comentário