sexta-feira, 30 de maio de 2014

princesa

by net

Num castelo de sonho e fantasia
Uma princesa perdia a sua beleza
Olhos em escuridão, morria de paixão
Enclausurada no seu quarto noite e dia
Desfazia-se perdida em vida e tristeza
Por não poder ver o outro seu coração.

Os dias e meses passaram, os anos
Já se contavam e a pobre princesinha
Perdia toda esperança na mudança
Esmorecia, em pensamentos insanos
Era a lembrança: o amor jamais vinha
Partilhar o seu destino em pura dança.

(…já não sei como acabar:
 não há príncipes a chegar

 ou muros do amor a derrubar.)

LM_20.nov.2013




Sem comentários:

Enviar um comentário