sexta-feira, 30 de maio de 2014

Mandela “Madiba”


Pássaro negro poisado
De olhos fechados amado
Parte da vida prisioneiro
Perdoaste ao carcereiro.

No exíguo espaço construído
Na pureza e no sentido
A fugaz vida restante
Dedicada ao semelhante.

Sonho de liberdade e união
Desejaste para a tua Nação
Foste pai dessa liberdade
Já muito velho na idade.

Mas com um grande coração
Ao inimigo estendeste a mão.

Fica agora o teu legado
E tu, por um Povo venerado
Esperando que o Mundo acorde
Abra os olhos, não se conforme
Na injustiça e na escravidão
Do Homem, seu irmão.


LM_11.dez.2013



Sem comentários:

Enviar um comentário